Despedida de Solteiro em Santorini!

Queridos leitores,

esta semana posto para vocês as aventuras do meu Casamento Grego em Santorini, que estou contando diariamente na page Eu Amo a Grécia, como convidada. Aproveitem para relembrar os momentos maravilhosos que tivemos por lá! 😉

Os convidados já estavam chegando no hotel, Virna e Bianca já estavam a postos, André já tinha conhecido a ilha e eu já voltava do salão de beleza. Quando pisei no lobby do hotel, as recepcionistas me chamaram, com um ar de aflição. Elas procuravam pela esposa do convidado do meu sogro, que tinha chegado na ilha sem mala e tinha ido a procura de um vestido para a cerimônia. Mas ainda tinha um problema com o vestido e ninguém conseguia encontrar ela no hotel. Assim que vi o André, passei a bomba para a frente, pois não podia me dar ao luxo de preocupar com os looks dos convidados naquela hora. Corri para a nossa suíte pensando no que vestiria para a nossa a champagne pool party oferecida no hotel, afinal, aquela era nossa festa de abertura do casamento. Ansiedade a mil, escondida atrás do meu sorriso de tranquilidade, conversei com o meu noivo para ter certeza que já estava tudo combinado para as horas seguintes. “ É meu amor, agora é a hora. Vamos curtir a nossa festa”,  André disse como mesmo sorriso de ansiedade que eu já conhecia. E saímos do quarto, caminhando firmemente ao encontro dos nossos melhores momentos até então.

Esperávamos que desse tudo certo, mas não esperávamos tanta surpresa boa. A dona do hotel, uma senhora de Santorini muito simpática, nos ofereceu um menu de comidas típicas da ilha de me fazer saudades dos tempos que morava por lá. Os bolinhos de tomates de Santorini….uuuuuuhhhmmm! 😉 E como se isso não bastasse, ela ainda nos ofereceu um presente inesquecível que colou na memória de todos que ali estavam. Sua dança, sua alegria e seu amor. Ela quebrou pratos aos pés do André antes de saltar na roda e dançar o zeibekiko mais filmado e fotografado da sua vida. E depois de muitos pratos quebrados pelos seus filhos, ela abraçou cada um dos convidados que foi agradecer por aquele momento de rara beleza. Em grego e em português, ficou transparente a emoção que todo mundo sentiu.

———–

Depois de duas horas de muito champagne e comida grega deliciosa no hotel, recebo uma ligação do nosso motorista grego que já estava a postos para levar nossos convidados até a Praia de Perissa. Eram quase 5 da tarde quando o ônibus encostou na porta do hotel e interrompeu totalmente o trânsito de Fira, enquanto nossos animados convidados se acomodavam sentados e em pé. Eu e André seguimos para o beach bar em um táxi, já animadíssimos com o sucesso que tinha sido a festa de boas-vindas e mais animados ainda para curtir nossa despedida de solteiro nas areias negras de Perissa.

Quando descemos do carro, o cenário era de brilhar os olhos: ceú azul, sol ainda presente, a montanha de Mesa Vouno e o mar calmo verde/azul característico daquele cantinho da Praia de Perissa. O staff do beach bar já nos esperava e começava a colocar os drinks na mesa montada. Tivemos alguns minutos iniciais de stress pois alguns desavisados (folgados) que estavam na praia e não eram convidados para a nossa festa se levantaram de suas cadeiras e vieram de longe para se servir da nossa vodka.  Tivemos que avisar  várias pessoas que aquilo era nossa festa privada e que o que estávamos servindo era para nossos convidados. Passado o susto, relaxamos e observamos aliviados que nossos amigos e familiares não perderam tempo e já estavam na beira do mar, se refrescando.

Durante a tarde, o DJ contratado tocou músicas de balada internacionais e o pessoal curtiu o som dançando nas areias e nos sofás, fumando narguilés. Quando a noite chegou vagarosamente, mais comida grega foi servida e os tímidos se soltaram no mar e nas areias da praia ao som das músicas tradicionais da ilha de Santorini. Fizemos uma enorme roda de dança nissiotica, até que nossos joelhos não aguentassem mais afundar na areia. Quando a lua subiu no  céu teve quem perdesse a sunga, o vestido, a cueca, a bolsa. Teve quem perdesse o marido no mar, teve quem perdesse a mãe, teve quem perdesse o ônibus de volta para o hotel. Teve convidado desmaiado, muitos tombos e alguns dormindo nos bancos depois de tanta farra. Teve quem seguisse para a balada do centro de Fira madrugada a dentro, teve quem ficasse no hotel tomando champagne na piscina até o sol nascer. Teve até um inusitado e romântico pedido de casamento no meio da festança nas areias de Perissa. Tanta alegria, tanta energia e tanta emoção, vindo de todas as direções. E desse modo, seguimos para nossa suite para dormir, com aquele sentimento de que estávamos fazendo algo certo. De que fazíamos diferença na vida de quem nos cerca. E assim acabava o primeiro dia de festa do nosso casamento grego em Santorini.

Fiz um mix com fotos dos dois eventos, todas de Bianca Ramos:

casamento em Santorini casamento em Santorini casamento em Santorini casamento em Santorini casamento em Santorini casamento em Santorini casamento em Santorini

despedida de solteiro em Santorini despedida de solteiro em Santorini despedida de solteiro em Santorini despedida de solteiro em Santorini despedida de solteiro em Santorini despedida de solteiro em Santorini despedida de solteiro em Santorini

Anúncios

Opine ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s